Siga a LATINA

Notícias

J Balvin e Khalid entregam qualidade em ‘Otra Noche Sin Ti’

Canção chegou no final dessa quinta-feira, 8.

Sofia Sampaio

Postado

em

J Balvin e Khalid entregam qualidade em 'Otra Noche Sin Ti'

Parece até eufemismo dizer que uma parceria entre J Balvin e Khalid é da mais pura qualidade, eu sei. Mas as chances de dois grandes nomes se juntarem para lançar algo genérico não eram pequenas. Para nossa sorte, Otra Noche Sin Ti, não entra na categoria de “mais do mesmo”.

A colaboração mescla um reggaeton romântico com um pop melódico e elementos da soul music, e ganha mais sutileza com as vocais suaves de J Balvin e Khalid. Cantando sobre desamor, os artistas lamentam a perda do grande amor de suas vidas. Otra Noche Sin Ti é o terceiro single oficial do próximo álbum do colombiano, sucedendo Ma G, lançada em fevereiro, e Tu Veneno, de março.

Você também pode gostar:
Myke Towers e Ñengo Flow se unem em ‘Burberry’
Anitta e ‘Girl from Rio’: o que se sabe sobre o novo álbum da cantora?
Poderosa: Karol G estreia álbum no top 20 da Billboard 200

Ainda é cedo para falar sobre o novo trabalho de Balvin, ainda sem data oficial de lançamento, mas de acordo com o artista, ele chega “em breve”. O que sabemos é que parece ser um álbum mais “sóbrio” que Colores, lançado no primeiro semestre do ano passado, e também bem pessoal. O próprio artista contou que é um material onde falará de muitos assuntos íntimos pela primeira vez. Além disso, a parceria com diretor Collin Tilley segue firme e forte e ele segue assinando a direção de todos os videoclipes de Balvin, assim como em Otra Noche sin Ti.

Khalid, um dos nomes jovens já estabelecidos no mercado, é mais um artista norte-americano que abraça o sucesso da música latina. Assim como The Weeknd que participou de Hawai com Maluma e convidou Rosalía para o remix da própria Blinding Lights, ou Madonna que no final de 2019 colaborou com Maluma três vezes, além de Anitta, claro. Sem esquecer também de mencionar o hit Tusa de Karol G e Nicki Minaj.

O movimento de grandes artistas do pop norte-americano entrarem em remixes pontuais de sucessos latinos, como Justin Bieber fez em Despacito ou Beyoncé em Mi Gente, está cada vez mais “ultrapassado”. Agora, o público passa a ver artistas latinos e norte-americanos colaborando “normalmente”, sem a necessidade específica de ter um nome forte nos EUA para impulsionar uma canção.

Compartilhe com seus amigos!

error: Este conteúdo é exclusivo da Latina Brasil